26 de março de 2017 Blog, Destaques

Viajar de comboio e bicicleta

Andar de comboio e bicicleta na Alemanha é muito fácil porque praticamente todos os comboios levam bicicletas. Tem de se ter atenção às filas que se fazem na plataforma para entrar nas carruagens destinadas ao transporte de bicicleta. O número de bicicletas em viagem é muito elevado e corre-se o risco que não termos lugar e ficar apeados, a aguardar o próximo comboio, mas já com a vantagem de estar no início da fila. A extensa rede de vias de ciclo-turismo é apoiada por este sistema de intermodalidade – bicicleta + comboio. Esta é a estação de Regensburg (Bavária), fica no percurso do Danúbio que tem, na Alemanha, uma via ciclável de cerca de 590 km. Podem fazer-se as várias etapas combinando comboio com bicicleta quando chega o momento de voltar para trás.

O processo de transporte das bicicletas é muito prático e rudimentar: tem bancos que se recolhem quando há bicicletas e umas fitas extensíveis que as prendem umas contra as outras. Esta segunda fotografia é tirada no interior do comboio para Passau – ultima estação de comboio para quem faz via do Danúbio na Alemanha.

Em praticamente todas as estações existem elevadores ou rampas através dos quais se levam as bicicletas para as plataformas e a maioria destas é nivelada com a entrada nos comboios. Ter de subir escadas com bicicletas eléctricas mais os respectivos alforges é um tormento devido ao peso.

Existe em cada estação de comboio um conjunto de bicicletas partilhadas que dá para alugar e largar em outra estação.

Partilhar: FacebookTwitterLinkedin